Especial Reitoráveis 2009

Qualidade do ensino deve ser prioridade para reitor

“A pesquisa aponta priori­dades e desmistifica a celeuma [alvoroço] em torno de alguns temas: o que move a cabeça da comunidade uspiana não é a questão do ensino à distância ou a questão salarial, mas os objetivos permanentes da uni­versidade - ensino e pesquisa”. A afirmação é de José Álvaro Moisés, professor do Depar­tamento de Ciência Política da FFLCH. A pedido do Jornal do Campus, Moisés analisou os re­sultados da pesquisa.

Avanços e controvérsias marcam mandato de Suely

Termina em 2009 o mandato de quatro anos da reitora Suely Vilela na Universidade de São Paulo. No período, duas gran­des greves e diversas manifes­tações tornaram controversas suas decisões. Mesmo assim, a USP alcançou mais prestígio junto à comunidade acadêmi­ca, já que o número de alunos vindos de escola pública chegou a 30% – valor nunca antes atin­gido. A Universidade também apareceu em boas colocações em rankings mundiais de qua­lidade de ensino superior.